Artigo

"A Forma da Água" foi o grande vencedor dos Critics' Choice Awards

Fantasia de Guillerme del Toro era o título mais nomeado e acabou por receber quatro prémios, mas "Três Cartazes à Beira da Estrada" dominou entre os atores. Nas categorias televisivas voltou a ser a minissérie "Big Little Lies" a mais premiada.

"A Forma da Água" foi o grande vencedor da 23ª edição dos Critics’ Choice Awards, que se realizou na quinta-feira à noite na cidade de Santa Mónica, na Califórnia, e também teve prémios nas categorias televisivas.

Após falhar nos Globos de Ouro, a fantasia de Guillerme del Toro com Sally Hawkins, Richard Jenkins, Octavia Spencer e Michael Stuhlbarg finalmente teve reconhecimento numa cerimónia onde chegava com mais nomeações (14), recebendo quatro prémios: Melhor Filme, Realização, Design de Produção e Banda Sonora.

Apesar de se ter consolidado como um dos favoritos na corrida aos Óscares, marcados para março, o protagonismo teve de ser dividido com "Três Cartazes à Beira da Estrada", outro título incontornável que teve três prémios, todos pelos atores: Melhor Atriz para Frances McDormand e ator secundário para Sam Rockwell, além de um coletivo pelo elenco.

Os outros prémios mais importantes na representação foram para Gary Oldman ("A Hora Mais Negra") e Allison Janney ("Eu, Tonya").

Votados pela Broadcast Film Critics Association, a maior organização de críticos de televisão, de rádio e de meios online dos Estados Unidos e do Canadá, as categorias de cinema conseguem abranger muitos filmes graças às 27 categorias, que destacam outros géneros, garantindo reconhecimento a títulos e atores que costumam ser esquecidos por outros prémios. "Foge", por exemplo, foi o Melhor Filme de Ficção Científica ou Terror, além de ser distinguido pelo Argumento Original, enquanto "Coco" foi votada a Melhor Animação e ainda ganhou pela canção "Remember Me". "Mulher-Maravilha" foi o Melhor Filme de Ação e "Amor de Improviso" a Melhor Comédia.

James Franco, acusado por cinco mulheres de comportamentos sexuais incorretos, foi votado o Melhor Ator de Comédia por "Um Desastre de Artista", mas não esteve presente na cerimónia. Margot Robbie recebeu o troféu no mesmo género por "Eu, Tonya".

Do lado da televisão, as três séries que tiveram destaque nos Globos de Ouro voltaram a sair-se bem, principalmente a produção da HBO "Big Little Lies", que foi votada a Melhor Minissérie e valeu prémios para os atores Nicole Kidman, Alexander Skarsgard e Laura Dern.

"The Handmaid’s Tale" recebeu três, a começar pelo de Melhor Série Dramática, e "The Marvelous Mrs. Maisel" foi considerada a Melhor comédia.

LISTA DE PREMIADOS

CINEMA

MELHOR FILME

  • "A Forma da Água"

MELHOR REALIZAÇÃO

  • Guillermo del Toro ("A Forma da Água")

MELHOR ATOR

  • Gary Oldman ("A Hora Mais Negra")

MELHOR ATRIZ

  • Frances McDormand ("Três Cartazes à Beira da Estrada")

MELHOR ATOR SECUNDÁRIO

  • Sam Rockwell ("Três Cartazes à Beira da Estrada")

MELHOR ATRIZ SECUNDÁRIA

  • Allison Janney ("Eu, Tonya")

MELHOR JOVEM ATOR/ATRIZ

  • Brooklynn Prince – “The Florida Project”

MELHOR ELENCO

  • "Três Cartazes à Beira da Estrada"

MELHOR ANIMAÇÃO

  • "Coco"

MELHOR FILME ESTRANGEIRO

  • "Uma Mulher Não Chora" (Alemanha)

MELHOR ARGUMENTO ADAPTADO

  • "Chama-me Pelo Teu Nome"

MELHOR ARGUMENTO ORIGINAL

  • "Foge"

MELHOR FOTOGRAFIA

  • "Blade Runner 2049"

MELHOR GUARDA-ROUPA

  • "Linha Fantasma"

MELHOR MONTAGEM

  • "Baby Driver"
  • "Dunkirk" (empate)

MELHOR CARACTERIZAÇÃO

  • "A Hora Mais Negra"

MELHOR DESIGN DE PRODUÇÃO

  • "A Forma da Água"

MELHOR BANDA SONORA

  • "A Forma da Água"

MELHOR CANÇÃO

  • “Remember Me” (de “Coco”)

MELHORES EFEITOS VISUAIS

  • "Planeta dos Macacos: A Guerra"

MELHOR FILME DE AÇÃO

  • "Mulher-Maravilha"

MELHOR COMÉDIA

  • "Amor de Improviso"

MELHOR ATOR EM COMÉDIA

  • James Franco (“Um Desastre de Artista”)

MELHOR ATRIZ EM COMÉDIA

  • "Margot Robbie" "(Eu, Tonya")

MELHOR FILME DE FICÇÃO CIENTÍFICA/TERROR

  • "Foge"

TELEVISÃO

MELHOR SÉRIE DE COMÉDIA

  • "The Marvelous Mrs. Maisel"

MELHOR ATRIZ EM SÉRIE DE COMÉDIA

  • Rachel Brosnahan ("The Marvelous Mrs. Maisel")

MELHOR ATOR EM SÉRIE DE COMÉDIA

  • Ted Danson ("The Good Place")

MELHOR ATRIZ SECUNDÁRIA EM SÉRIE DE COMÉDIA

  • Mayim Bialik ("A Teoria do Big Bang")

MELHOR ATOR SECUNDÁRIO EM SÉRIE DE COMÉDIA

  • Walton Goggins (“Vice Principals”)

MELHOR SÉRIE DRAMÁTICA

  • "The Handmaid’s Tale"

MELHOR ATRIZ EM SÉRIE DRAMÁTICA

  • Elisabeth Moss ("The Handmaid’s Tale")

MELHOR ATOR EM SÉRIE DRAMÁTICA

  • Sterling K. Brown ("This Is Us")

MELHOR ATRIZ SECUNDÁRIA EM SÉRIE DRAMÁTICA

  • Ann Dowd (“The Handmaid’s Tale”)

MELHOR ATOR SECUNDÁRIO EM SÉRIE DRAMÁTICA

  • David Harbour ("Stranger Things")

MELHOR TELEFILME OU MINISSÉRIE

  • "Big Little Lies"

MELHOR ATRIZ EM TELEFILME OU MINISSÉRIE

  • Nicole Kidman ("Big Little Lies")

MELHOR ATOR EM TELEFILME OU MINISSÉRIE

  • Ewan McGregor ("Fargo")

MELHOR ATRIZ SECUNDÁRIA EM TELEFILME OU MINISSÉRIE

  • Laura Dern (“Big Little Lies”)

MELHOR ATOR SECUNDÁRIO EM TELEFILME OU MINISSÉRIE

  • Alexander Skarsgård (“Big Little Lies”)

MELHOR SÉRIE DE ANIMAÇÃO

  • "Rick and Morty"

MELHOR TALK SHOW

  • "Jimmy Kimmel Live!"

MELHOR REALITY SHOW DE COMPETIÇÃO

  • "The Voice"

MELHOR ANFITRIÃO DE REALITY SHOW

  • RuPaul ("RuPaul’s Drag Race")

MELHOR REALITY SHOW ESTRUTURADO (COM ARGUMENTO)

  • "Shark Tank"

MELHOR REALITY SHOW NÃO ESTRUTURADO (SEM ARGUMENTO)

  • "Born This Way"
Ver artigo por páginas

Comentários