Uma reunião virtual dos atores "X-Men" acabou "estragada" por causa de Ryan Reynolds.

Era tudo em nome de uma boa causa: os super-heróis no grande ecrã a homenagear os super-heróis no terreno durante o evento virtual "Global Goal: Unite For Our Future", que juntou este fim de semana várias personalidades para destacar o impacto desigual da COVID-19.

O vídeo começa como tantos outros que têm juntado atores de filmes e séries populares: Hugh Jackman (Wolverine) a ser o anfitrião e juntar Patrick Stewart (professor Charles Xavier), Halle Berry (Storm), Famke Janssen (Jean Grey) e Ian McKellen (Magneto, de quem só aparece uma fotografia) e a destacar como era difícil acreditar que já tinham passado 20 anos desde o primeiro filme.

Só que a reunião acaba por nem começar a sério: como em tanta coisa que envolve Hugh Jackman, acabou por se infiltrar Ryan Reynolds.

Os dois atores mantêm uma "rivalidade" há mais de uma década e claramente muito entusiasmado pelo cruzamento de várias versões da saga, o atual Deadpool decidiu convidar atores dos filmes mais recentes: James McAvoy ("também o professor Xavier) e Sophie Turner (Jean Grey).

Com a reunião virtual "estragada", não demora muito até começar a ficar despovoada e só ficarem um muito entusiasmado Ryan Reynolds e um claramente "frustrado" Hugh Jackman.

Altura em que se proporcionou um muito "desejado" reeencontro do há muito esquecido "X-Men Origens: Wolverine", com que tanto Hugh Jackman como Ryan Reynolds têm gozado ao longo dos anos: Liev Schreiber dá um ar da sua graça mesmo no fim.

VEJA O VÍDEO.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.