Aparentemente grogue, quase sem conseguir responder às perguntas,
Joaquin Phoenix deixou estupefacta a audiência e o próprio
David Letterman, anfitrião do programa de entrevistas a que o actor foi ontem para promover o filme
«Two Lovers», em que contracena com
Gwyneth Paltrow e
Vinessa Shaw.

O momento, que Letterman conseguiu transformar de embaraçoso para hilariante, pode ser visto na íntegra
AQUI.

«Two Lovers», realizado por James Gray, é o filme que Joaquin Phoenix já assumiu ser o último da sua carreira de actor.

O artista pretende doravante dedicar-se exclusivamente à música, mas o primeiro concerto que deu, numa discoteca de Las Vegas, apesar de ter tido casa cheia, foi considerado um fracasso, com Phoenix a surgir num tal estado que até caiu do palco quando cumprimentava o público.

O comportamento errático e semi-letárgico de Phoenix continuou no «talk-show» de David Letterman, com o intérprete a colar uma pastilha elástica na mesa do apresentador, a enfurecer-se por lhe colocarem perguntas e a motivar, por parte do anfitrião, a tirada de despedida: «Joaquin, I’m sorry you couldn’t be here tonight».

Porém, há já muitos a defenderem que todo este comportamento não passa de uma encenação de Joaquin Phoenix.

Segundo uma tese que corre na blogosfera, tudo faz parte de um documentário sobre o arranque da carreira musical de Phoenix que o seu cunhado,
Casey Affleck, está a realizar.

E que o registo será de «mockumentary», ou seja, de falso documentário, com Phoenix a adoptar a pose de um músico excêntrico e num estado de sobriedade que deixa muito a desejar.

Fica a questão em aberto e a expectativa da surpresa, voluntária ou não, que o ex-actor provocará a seguir.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.