Os fãs podem desejar que volte a ser a Imperator Furiosa da saga "Mad Max", mas parece mais provável que a personagem de Charlize Theron a regressar mais depressa ao cinema seja a Cipher de "Velocidade Furiosa".

Com "Velocidade Furiosa 10" em 2021 a anunciar o fim dos filmes liderados por Vin Diesel, a Universal procura rentabilizar o sucesso com outras personagens.

O primeiro "spinoff" chama-se "Velocidade Furiosa: Hobbs e Shaw" e chega já este verão, centrado nas personagens de Dwayne Johnson e Jason Statham.

Agora, num artigo do The Hollywood Reporter sobre as batalhas jurídicas entre o estúdio e o produtor dos filmes Neal Moritz surge a informação de que o estúdio está a pensar noutro projeto centrado em mulheres construído à volta da vilã interpretada por Charlize Theron em "Velocidade Furiosa 8", de 2017.

O estúdio espera que "Hobbs & Shaw" seja um sucesso em agosto que não só garanta sequelas como permita alargar o universo da saga, como a Disney fez com os "Vingadores" da Marvel.

Entretanto, a rodagem de "Velocidade Furiosa 9" começa em breve e chega aos cinemas em abril de 2020.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.