Israel venceu a edição de 2018 do Festival Eurovisão da Canção, no passado dia 12 de maio, na Altice Arena, em Lisboa. Tal como está previsto, o país tem direito a receber a edição do próximo ano, em maio de 2019. Apesar de Netta e do primeiro-ministro, Benjamin Netanyahu, terem dado quase como garantido que o festival se iria realizar em Jerusalém, a organização, a União Europeia de Radiotelevisão (EBU), ainda não confirmou.

Segundo o jornal The Times of Israel, a realização do concurso em Jerusalém em está em causa devido às ameaças de boicote por parte de vários países - os operadores da Irlanda, Suécia, Reino Unido e da Islândia têm sido pressionados para não participar no certame.

De acordo com o Channel 10, a EBU já reuniu com os responsáveis pelo canal público israelita (Kan) e mostrou-se preocupada com a possível não participação de alguns países.

Nas redes sociais, a organização do Festival Eurovisão da Canção deixou também um aviso aos fãs. "Está ansioso pela edição do próximo ano do Festival da Eurovisão? Nós também. Mas não reserve já as suas viagens. Para atualização de informação sobre onde e quando o festival terá lugar, esteja atento aos anúncios nos nossos canais oficiais", escreveu a organização no Instagram, Facebook e Twitter.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.