O fim de semana foi agitado para as Anavitória e Tiago Iorc. Na passada sexta-feira, dia 12 de junho, durante um concerto em direto nas redes sociais, a dupla brasileira revelou que gostaria de voltar a gravar o tema "Trevo (Tu)" para um novo projeto, mas que não conseguiram autorização de Tiago Iorc, que compôs a canção com Ana Clara.

"Escrevi [a canção] em 2015 e convidei um amigo para escrever comigo. Esse amigo escreveu, deu-me um refrão lindo (...) Esta semana recebemos uma notícia estranha e triste de que esse autor [Tiago Iorc] está a impedir a regravação da nossa música. Só queria dizer que o meu entendimento de arte é muito para as pessoas. No momento que ela passa por mim e vai para o mundo, ela não é mais minha, ela é do mundo. Me dói muito que isto aconteça", contou Ana Clara, da dupla brasileira.

Depois de ser criticado nas redes sociais, o cantor brasileiro usou a sua conta no Instagram para se justificar e responder às acusações. "Gostaria de deixar claro que este é um assunto privado e sinto-me extremamente desconfortável e até sem jeito de ter de me manifestar publicamente sobre isso (...) Meninas, Ana, entendo o teu sentimento e provavelmente sentiria-me da mesma forma com isso que está a acontecer se eu não soubesse do que está a acontecer por trás de tudo.  E parece-me, fica evidente nesta tua atitude não pensada de tornar isto público, que da missa não sabes a metade. O escritório que gere a vossa carreira, que é o escritório com o qual trabalhava, e que agora não trabalho, ele tem, repetidamente, sabotado o meu trabalho, agindo de má fé para me prejudicar, realmente", frisou Tiago Iorc.

Já este domingo, dia 14 de junho, a dupla Anavitória voltou às redes sociais para responder ao músico. No vídeo partilhado no Instagram, as artistas revelaram que querem lançar o DVD da digressão "O Tempo É Agora" e que Tiago Iorc não permitiu que relancem os temas "Porque Eu Te Amo", "Agora Eu Quero Ir" e "A Gente Junto" - além de "Trevo"

No vídeo, as artistas lembram que, se permitir, o músico irá ser remunerado pelos diretos de autor.

Veja o vídeo:

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.